Buscar
  • Evandro Lins

Adolescente é detido suspeito de matar mãe com cerca de 30 facadas, em Campina Grande


Um adolescente de 15 anos foi apreendido suspeito de esfaquear e matar a mãe, de 31 anos, na tarde desta segunda-feira (23), em Campina Grande. Segundo a Polícia Militar, o crime aconteceu na casa em que ela morava, no bairro Bodocongó.


Para a TV Paraíba, uma vizinha da vítima disse que a mulher ouviu quando ela pediu ao filho para não ser morta. Informou ainda que tentou impedir o crime, mas não conseguiu e acabou presenciando a ação.

Ainda de acordo com a mesma vizinha, o outro filho da mulher morta, de 5 anos, também viu o crime. Desesperada, a criança teria tentado pular o muro da casa para fugir.

Para um policial que o deteve, ele disse que a mãe teria participado do assassinato do pai dele e que, por isso, ele teria se vingado. Mas, conforme a polícia, não há confirmação do envolvimento dela.


Segundo o delegado responsável pelo caso, Francisco de Assis, a tia do adolescente teria dito que ele é usuário de drogas desde os 12 anos e costumava pedir dinheiro à mãe para comprar o material.

Ele teria pedido um valor nesta segunda. Mas, como está desempregada, ela não tinha a quantia. Segundo a tia do jovem, essa teria sido a motivação do crime. Ele, no entanto, nega a versão e não admite que usa drogas.

O suspeito fugiu do local. Mas, cerca de 10 minutos depois, foi encontrado pela PM ainda ensanguentado.


A mulher chegou a ser socorrida para o Hospital de Emergência e Trauma da cidade, mas chegou ao local sem vida.


De acordo com a unidade hospitalar, o corpo da vítima tinha ferimentos que indicavam pelo menos 30 facadas.


O adolescente foi encaminhado para a Central de Polícia Civil, onde será ouvido pela Polícia Civil, que investigará a real motivação do crime.