Buscar
  • Evandro Lins

Eleitor pode baixar o E-Título e regularizar cadastro sem sair de casa


Para estarem aptos a votar nas Eleições de 2022, os cidadãos têm seis meses para regularizar o título e o aplicativo é uma forma muito mais fácil de realizar esse procedimento.


Criado em 2017, o e-Título permite baixar a via digital do título com todas as informações armazenadas de forma segura e possibilita o acesso à situação cadastral, o cadastramento como mesário voluntário e a obtenção das certidões de quitação eleitoral e de crimes eleitorais. Além de contar com um leiaute de simples navegação, o sistema é acessível para pessoas com deficiência visual.


Biometria


Caso o eleitor já tenha feito o recadastramento biométrico (com as impressões digitais) junto à Justiça Eleitoral, o perfil no e-Título virá acompanhado de uma foto do eleitor, facilitando, assim, a identificação na hora do voto.


Caso ainda não tenha feito, não aparecerá a imagem, sendo necessário levar outro documento oficial com foto para se apresentar ao mesário no dia das eleições.