Buscar
  • Evandro Lins

Família pede doações para tratamento de criança com doença rara em Toritama; saiba como doar


A pequena Heloísa é uma bebê Toritamense de 1 ano e 2 meses, e foi diagnosticada com AME tipo 1 desde os 5 meses de idade e esta internada no hospital Otávio de Freitas no Recife. A atrofia muscular espinhal (AME) é uma doença genética rara, progressiva e muitas vezes letal, que afeta a capacidade do indivíduo de caminhar, comer e, em última instância, respirar. A AME afeta aproximadamente um em cada 10.000 nascidos vivos e é a principal causa genética de morte em bebês.

A família conseguiu e liberação na justiça para trazer a criança para Toritama, e aguarda apenas a visita do fiscal que vai equipar o quarto para que ela possa ficar em casa. Os pais, Edilecio e Tatiana morram no bairro Príncipe da Paz.

Agora, a maior luta dos pais é para conseguir o remédio que pode dar uma melhora significativa para a Heloísa, o ZOLGENSMA, o remédio custa 9.000.000,00. “Estamos pedindo doações, e quem não puder doar pode nos ajudar compartilhando a campanha da Heloísa”. - Disse a mãe.


DOAÇÕES


Pix celular : 81989250922

(TATIANA BEZERRA)


Conta caixa poupança

Agência : 2551

Conta: 801658661-7