Buscar
  • Evandro Lins

Sargento reformado da PM cometeu suicídio em frente ao Hospital Mestre Vitalino em Caruaru


No final da manhã do domingo (27), um sargento reformado da Polícia Militar cometeu suicídio com um tiro na cabeça em frente ao Hospital Mestre Vitalino em Caruaru. João Costa dos Santos, de 66 anos, morava em Agrestina e estava no Hospital para tentar conseguir o tratamento contra o câncer.

Ao lado do corpo, a Polícia encontrou um bilhete escrito por ele que manifestou o sofrimento por não conseguir o tratamento no sistema de saúde.


“Meu protesto contra a saúde pública deste país. A Dra. Que me atendeu no HMV, disse-me que o hospital não dispunha do tratamento de um câncer que eu tenho, porque a medicação é cara. Quando a vida não tem mais sentido de ser vivida por tanto sofrimento e dor física é a hora de morrer”. - Escreveu.

O corpo foi encaminhado para o Instituto de Medicina Legal (IML) de Caruaru.